Lago de Katie

Eis, pois, que vos digo: a imaginação é a nossa mais poderosa ferramenta de criação.

Katie era uma garotinha que vivia numa fazenda, não muito longe daqui. Ela gostava de brincar num lago perto de sua casa. Certo dia, depois de uma temporada sem visitar o lago, Katie foi brincar e ele havia sumido. Tudo que restou foi um grande buraco. Katie ficou triste, não entendeu como isso pôde acontecer. Perguntou ao seu pai, que culpou a seca e discursou sobre todo mal que esta havia causado.

A menina teve uma ideia. Começou a carregar copos de água na tentativa de reviver o lago. Katie era pequena, tinha apenas cinco anos. Não tinha força para carregar baldes. Depois de ter feito isso o dia inteiro, frustrou-se com o resultado de seu esforço.

Parecia que nenhuma água havia sido trazida, pois o buraco estava exatamente igual. Cada gotinha desaparecera no solo e nem uma poça permaneceu.

Então, ela se deitou muito triste. Não conseguira salvar seu companheiro. Acordou no dia seguinte e resolveu ir confrontar o buraco. Como ousava absorver todo seu trabalho e impedir que a agua voltasse a viver lá?

O que aconteceu a seguir é bem difícil de entender, então peço apenas que imaginem. Katie chegou àquele lugar outrora tão familiar e se espantou. Por um momento, pensou ter errado o caminho… mas, não! Era ali mesmo.

Katie olhou para dentro do buraco e nele não havia água retida, nem terra seca. Ao invés, contemplou extensas fileiras de flores branco-rosadas. Era como um lago de rosas. Pétalas e mais pétalas reunidas, formando lindos arranjos.

Katie correu para a fazenda e arrastou seu pai para o lago. Pediu que ele explicasse como isso aconteceu, mas ele certamente não pôde. Katie perguntou: “Cada gota de agua pode virar uma rosa?”. O pai respondeu: “Se me perguntasse ontem, diria que não. Mas hoje acho que depende apenas da vontade da terra. Sabe-se lá de onde vieram tantas estacas!”.

Katie gargalhou satisfeita. Cumprira sua missão, afinal! Pois quem disse que o lago precisa ser sempre o mesmo para ser seu amigo, se tudo, tudinho mesmo, está sujeito às mais belas transformações?

Anúncios

Um pensamento sobre “Lago de Katie

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s