Peixe Grande

O livro é descrito como “Uma fábula de amor entre pai e filho”, mas ouso dizer que minha definição é mais precisa: uma fábula de amor à vida. Escrito por Daniel Wallace e adaptado pela imaginação genial de Tim Burton, Peixe Grande são várias histórias encantadoras reunidas sobre o pretexto de uma história principal.

Edward Bloom é um personagem fantástico. O centro de todas as atenções do universo! Ele é o mais veloz, o mais perspicaz e extraordinário de todos. Ou pelo menos era, antes de sua morte. Pois “a morte foi a pior coisa que poderia ter lhe acontecido”. “(ele) Odiava acordar todo dia no mesmo quarto, ver as mesmas pessoas, fazer as mesmas coisas. (…) Era como se ele vivesse num estado de constante aspiração; chegar lá, onde quer que fosse, não era o mais importante: o importante era a batalha, e a batalha seguinte, e a guerra era interminável”. Mas sua doença o prendeu em seu pior pesadelo: a imobilidade. Porém, Edward Bloom nunca poderia deixar de ser Edward Bloom, continuava a contar suas piadas e as histórias de sua vida do jeito que achava mais conveniente: o mais fascinante, é claro.

Entretanto, por mais maravilhosas que elas fossem, seu filho não ficava satisfeito em ouvi-las sempre dessa maneira. A verdade quando pintada num quadro muito mais bonito do que é real é inacreditável. William se angustiava com a possibilidade de ver seu pai ir embora sem saber quem ele realmente era. “Debaixo de uma fachada existe outra fachada e outra e outra, e debaixo dela aquele lugar escuro e sofrido, sua vida, algo que nenhum de nós dois entende”.

Apesar de minha composição ter misturado filme e livro, é importante dizer que são bem diferentes; ambos brilhantes, porém distintos em abordagens, ou pelo menos essa foi a minha impressão. Talvez pelos efeitos que as imagens de Tim proporcionam, o filme mostra um Edward mais mítico, enquanto o livro mostra, ao mesmo tempo, o mito e o homem que sangra e que nem sempre faz a coisa certa.

Meu conselho é que assistam o filme e depois leiam o livro. Ah! Mas há um pré-requisito para entrar no universo de Peixe Grande: é preciso se libertar de todo o preconceito contra o que não é lógico, ou o que não faz sentido. É preciso assistir e ler com olhos de criança.

Minha ordem é: Assistam o filme mais lindo do mundo! Podem ter certeza de que vão se apaixonar e querer ler o livro compulsivamente.

"- You don't even know me. // - I have the rest of my life to find out."

"- You don't even know me. // - I have the rest of my life to find out."

"Como vai embora sem seus sapatos?"

"Como vai embora sem seus sapatos?"


[SPOILER] Cenas do filme ~ música: How I go – Yellocard

Assistam este vídeo somente depois de verem o filme!


Depois comentem se já viram e o que acharam! ^^

Anúncios

8 pensamentos sobre “Peixe Grande

  1. Foi uma ótima indicação!!!! Filme perfeitooooooooooooo, um dos melhores que eu já vi, não tem como não chorar rss. Agora quero ler o livro logooooo =P
    Música vicianteeeeee tbmmmm.

    A vida, uma magia, uma história a cada dia e nem por isso deixa de ser real… é só acreditar =)

    Muito bom o texto
    beijos.

  2. Tô me sentindo uma tola, como é que eu não sabia que Peixe Grande tinha um livro? Adorei a história do filme, tudo é lindo, e consigo entender o dilema do filho do Edward Bloom ao necessitar a verdade, ocasionalmente. Quero muito, agora!

    A música também é muito fofinha…
    Um beijo!

    • Quando me falarm que tinha um livro, sai em desespero procurando! E viva a americanas.com =)
      Ele também é lindo! As histórias tem algumas diferenças, mas sinceramente não consigo decidir qual dos dois eu prefiro! x)
      beijo!

  3. Ok…lerei o livro agora.
    Você descreveu muito bem o que o filme nos passa *-*
    Com certeza verei de novo =x

    Mas como você esqueceu de mencionar o Gigante Karl? Ele é secundário, mas essencial =P huAhuahuauha
    Viva o Karl!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s